Bentô 18, arrumação e cuidados com o pote

Este é o bentô 18.

Bentô 18

Arroz jasmim: Pra quem nunca ouviu falar, é uma variedade muito utilizada na culinária tailandesa. Ele tem grãos finos, longos e é aromático – daí o nome. Tem um saborzinho amanteigado que é delícia.

Feijão: Carioquinha, comum. Cozinho na noite anterior, e de manhã eu tempero (nesse caso, só alho, sal e pimenta do reino, que é o que tinha em casa).

Frango ao curry: Com cebola, cenoura e cebolinha. Lavemente adocicado por causa do mirin, e levemente picante por causa do curry. Nham!

Ingredientes:
– 400gr de cubos de peito de frango picado
– cebola média picada
– 2 cenouras pequenas (ou uma grande) picada
– 1 colher de óleo sem sabor (soja, canola, milho etc)
– 1 colher de sopa de curry em pó
– 1/3 a 1/2 xícara de mirin (depende do quão adocicado você quer)
– sal e cebolinha a gosto
– Algumas gotas de óleo de gergelim

Preparo:
Refogue a cebola no óleo comum até dourar. Junte a cenoura. Acrescente o frango e refogue um pouco até selar (ficar com a superfície branquinha). Adicione o mirin e o sal, e mexa até o líquido secar um pouco. Por último, coloque o curry, misture rapidamente e desligue – o curry perde o aroma se ficar muito tempo no fogo. Coloque algumas gotinhas do óleo de gergelim, para dar gosto (é bem forte!). A cebolinha pode ser acrescentada no meio do processo ou no final, se preferir ela mais fresca.

***
Sobre a montagem

Eu ADORO curry, mas ele pode manchar sua bentô box de plástico ou de madeira, principalmente se for de cor clara. Depois de amarelar algumas de maneira irreversível (chuif), eu comecei a tomar mais cuidado.

Não é apenas curry que tem esse potencial destruidor: shoyu, molho de tomate e alimentos com caldo, em geral podem estragar sua box, principalmente se você esquentar o bentô no microondas antes de comer. Mas com alguns cuidados bestas você pode minimizar os riscos.

Papel manteiga

Por exemplo: no caso do curry, eu cobri o pote com papel manteiga antes do colocar. Não me importei muito com a divisória, porém… Minha preocupação é mais com os cantos, que costumam esquentar mais do que o meio no microondas, e é onde geralmente mancha. Se a divisória fosse de uma cor mais clara eu me preocuparia com ela também.

No caso do feijão, que tem um pouco de caldo, é bom tomar cuidado também. Se for feijão preto, ou um chili com molho de tomate, ou mesmo um estrogonofe, cuidado se sua box tiver fundo claro. Não achei necessário usar papel manteiga – a box tem cor forte, feijão carioca é clarinho e eu provavelmente não ia esquentar no microondas na hora de comer. Fiz apenas uma caminha com o arroz branco, para evitar o contato direto do caldo do feijão com o fundo pote.

1.
Caminha de arroz

2.
Feijão por cima

Completei o arroz e o feijão no cantinho (por razões estéticas!), acrescentei cebolinha, pimenta do reino e tcharam.

Bentô 18

Passo-a-passo: omelete de florzinha

*Estou temporariamente sem minha câmera fotográfica, então tirei as fotos com o celular mesmo. Desculpem pela má qualidade! Assim que puder refaço as fotos!

Uma boa ideia para decorar seu bentô: usar uma rodela de pimentão picado como forminha para o omelete. Simples, bonito, e gostoso!

Misture os ovos com uma pitada de sal e temperos de sua preferência. Para um pimentão médio, usei dois ovos pequenos.

Escolha um pimentão mais retinho e corte as rodelas com uns 0,7 de espessura, mais ou menos. Acerte o formato retirando as partes branquinhas do centro.

Você pode ferver as rodelas rapidamente em um pouco de água, ou dar uma fritadinha rápida nelas antes de colocar a mistura de ovos. Você quem sabe.

Em uma frigideira antiaderente, untada com um pouco de óleo, coloque delicadamente a mistura de ovos e temperos dentro da rodela de pimentão, até no máximo dois terços da altura da rodela, porque o omelete vai inflar um pouquinho.

Ah, notem que eu disse DELICADAMENTE. Porque eu, com celular na mão, ao invés de ir colocando o ovo aos poucos com uma colher, tentei virar a tigela e o resultado foi este abaixo. Portanto… Coloquem a mistura aos poucos com uma colher. :3

Assim que o omelete estiver começando a ficar firme, vire. Mantenha o fogo baixo e fique bem atento, porque fica pronto bem rápido e se queimar não vai ficar tão bonitinho…

O que escapar da forminha, é só cortar e colocar por baixo. A mesma coisa com o que sobrar da mistura, que pode virar ovo mexido e ficar escondidinho. Sem desperdício.

No site de onde tirei a ideia (que já não me lembro mais qual é), havia também a sugestão de usar uma rodela de cebola como molde. Ainda não fiz, mas quando testar acrescento aqui. Eu só recomendaria não deixar de ferver ou fritar a cebola antes, se você não curtir ficar com bafão de cebola crua. 😉